Tel.: +258 84 301 3341

No âmbito do diagnóstico e oferta de serviços de saúde, as iniciativas estruturais importantes foram o aconselhamento e testagem em saúde, em duas formas reconhecidas pelo MISAU, nomeadamente o ATIP - aconselhamento e testagem iniciada pelo provedor (médicos, técnicos de medicina, enfermeira do SMI, técnicos de saúde), envolvendo posteriormente conselheiros leigos, e o ATIU (aconselhamento e testagem iniciada pelo Utente). Além disso, ampliou-se a cobertura dos cuidados pré-natal no país, proporcionando uma oportunidade para aconselhamento em PTV. Embora os serviços estejam cada vez mais acessíveis, a cobertura em relação à prevenção da transmissão vertical continua insuficiente se comparada ao elevado número de novas infeções, além de persistirem desigualdades em relação às áreas mais remotas (Informações fornecidas pelo MISAU em 2016). Em Dezembro de 2014, a cobertura de anti-retrovirais da população para a prevenção da transmissão vertical foi de 96% (UNICEF, 2016), contudo, ainda é deficiente o acesso das grávidas ao controlo pré-natal.   

Contudo, o CCS tem destacado a sua assessoria na área de SMI na cidade de Maputo e província de Inhamabne, atravês do apoio á expansão da estrutura dos serviços, capacitação do pessoal de saúde para responder à demanda, bem como apoio a provisão de bens, serviços e equipamentos para o atendimento clínico.

O maior desafio neste sector é alcançar a adesão das mulheres grávidas na consulta pré-natal  de modo a garantir a retensão do grupo das mulheres HIV no Tratamento de Prevenção Vertical  para a concretização do nascimento de crianças saudáveis.

Ao longo deste anos, o CCS juntou-se ao MISAU na implementação das atividades do Plano Nacional de Eliminação do HIV Pediátrico, com foco para a implementação do Acesso ao TARV Universal, Opção B+, da Mulher Grávida e Lactante HIV+;

Integração dos serviços de TARV nos serviços de SMI;

Implementação de atividades de adesão e retenção do par mãe- bébe;

Apetrechamento/Equipamento dos serviços de SMI com material médico essencial para provisão de consultas de SMI;

Formação em TARV das ESMI (enfermeiras de saúde materno infantil )e Tutoria usando instrumentos de Competência Clinicas do MISAU;

Supervisão formativa da implementação da Opção B+, em conjunto com DPS e MISAU;

Realização de consultas de SMI nas US apoiadas;

Apoio na expansão e melhoria das condições de realização do diagnóstico infantil precoce;

Estabelecimento de estratégias de testagem de parceiros e encaminhamento de casais discordantes.

 

 

 

 

 

Artigos semelhantes

Outros eventos